anterior

Para manter uma pele saudável é preciso ter uma vida em equilíbrio e saber proteger a pele dos efeitos nocivos e cumulativos da radiação ultravioleta. Isso não significa privar-se da exposição solar, mas realizá-la com consciência. É de extrema importância escolher um fotoprotetor de amplo espectro (UVA, UVB e físico), que se adapte bem ao seu tipo de pele e utilizá-lo diariamente. Para exposição solar propriamente dita, o fator de proteção deve ser no mínimo de 30, acompanhado de uma “barreira” física, que pode ser um boné ou uma viseira de tramas bem fechadas. No caso de praia ou piscina, o fotoprotetor deve ser reaplicado a cada 2 horas ou a cada mergulho.

Prevenção do envelhecimento cutâneo
Sistemas de Informação e Comunicação Digital - Plusinfo